Maria Helena Curto

Investigadora Doutorada

PhD em Economia , MBA em Gestão Internacional.

Professora da Universidade Autónoma de Lisboa desde 1992, lecionando nas áreas da Gestão e Economia.

Entre 2009 e 2012, foi associada ao Centro de Pesquisas em Estratégia e Corporate Finance, Universidade Autónoma de Lisboa, com artigos publicados em revistas nacionais e internacionais.

Entre 1989 e 2009, exerceu as funções de liderança na administração pública, dedicados à regulação e avaliação da legislação relacionada com a organização pública e a gestão local em Portugal, participou em parcerias estabelecidas com departamentos governamentais de países de língua portuguesa, visando a organização e gestão de serviços públicos.

Desde 1989, participou em grupos de trabalho sobre temas relativos a programas de investimento, desenvolvimento económico, social e ambiental, desenvolvidos entre a Administração Central, a Administração Local, empresas públicas e outros actores locias e regionais, em especial para a definição de planos de desenvolvimento sectoriais, designadamente transportes, distribuição de água e energia elétrica.

Participa regularmente em vários seminários e workshops sobre Gestão Pública: planeamento e organização de serviços públicos, fixação de preços e custos dos serviços públicos e auditoria de serviços públicos.

Desde 1990, presta assessoria em finanças públicas, implementação de sistemas de contabilidade, implementação de sistemas de gestão de controlo interno, organização de serviços e de auditoria financeira em vários serviços da Administração Pública Central e Local (municípios, associações de municípios e sector empresarial público local em Portugal e S. Tomé e Príncipe).

Desde 1984, participou em conferências nacionais e internacionais sobre a administração e gestão pública, incluindo a representação portuguesa em grupos de reflexão, modernização, qualidade e inovação, tendo participado em vários comités do Conselho da Europa sobre a democracia regional e local.

Desde 1980, professora universitária, recentemente nas áreas financeiras, em especial introdução à gestão, contabilidade financeira e de gestão, controlo e auditoria de gestão, participando com regularidade em planos formativos destinados a técnicos, gestores e eleitos, em Portugal , Cabo Verde , São Tomé e Príncipe e Brasil.

 

Observare 2020 - Todos os direitos reservados

Unidade de Investigação avaliada e financiada pela FCT através do projecto UID/CPO/04155/2019.
Este site foi reestruturado através do financiamento por fundos nacionais da FCT – Fundação para a Ciência e a Tecnologia, I.P., no âmbito do Projecto - Refª UID/CPO/04155/2019