O DEBATE SOBRE A RELAÇÃO ENTRE GLOBALIZAÇÃO, POBREZA E DESIGUALDADE: UMA VISÃO CRÍTICA


Texto completo PDF

Vicente Valentim
email: Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

Mestrando em Ciência Política (ISCTE-IUL, Portugal). Licenciado em Piano Jazz pela Escola Superior de Música de Lisboa, Instituto Politécnico de Lisboa. Concluiu o Minor em Ciência Política na Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa.



Resumo


Neste artigo teórico, apresento de forma crítica o debate em curso sobre a relação entre globalização, pobreza e desigualdade, recorrendo à tipologia proposta por Held & McGrew (2007), que divide os autores em duas abordagens principais: os globalistas e os céticos. Na primeira abordagem, podemos fazer a distinção entre globalistas neoliberais e globalistas transformacionalistas. Na segunda, fazemos a distinção entre os céticos realistas e os céticos marxistas. Irei analisar os pensadores mais importantes de cada uma dessas quatro abordagens, resumindo os argumentos mais influentes que avançam para sustentar os seus pontos de vista. Ao agrupar os pontos de vista desses autores, indicarei as semelhanças e as diferenças entre as quatro perspetivas para, assim, contribuir para tornar o debate mais claro. Numa outra seção, examino criticamente esses argumentos, identificando alguns dos seus pontos fortes e fracos.



Palavras-chave


Globalização; Desigualdade; Pobreza; Globalismo; Ceticismo.



Como citar este artigo


Valentim, Vicente (2016). "O debate sobre a relação entre globalização, pobreza e desigualdade: uma visão crítica". JANUS.NET e-journal of International Relations, Vol. 7, N.º 2, Novembro 2016-Abril 2017. Consultado [online] em data da última consulta, observare.ual.pt/janus.net/pt_vol7_n2_art4 (http://hdl.handle.net/11144/2783)



Artigo recebido em 5 de Fevereiro de 2016 e aceite para publicação em 19 de Setembro de 2016